A ESCOLA ATUAL À LUZ DA NEUROLOGIA E NEUROLINGUÍSTICA

Maria Judith Righi

Resumo


Este trabalho pretende iniciar uma reflexão sobre a escola pública atual em que a aprendizagem a qual os alunos têm direito está muito abaixo das expectativas, pois não consegue cumprir sua função histórica de ensinar a ler e escrever. Relaciono o baixo rendimento na produção de conhecimentos às dificuldades que os alunos mantêm, desde o início do processo, na fala, leitura e escrita. Estudos neurolinguísticos revelam a importância das interações entre os envolvidos no processo terapêutico, nas patologias que modificam o funcionamento cerebral, mediado pela linguagem, que se tornam integrados aos seus contextos, já que a linguagem é social e histórica. É nesta medida que podem ser transportados para o processo de ensino-aprendizagem, no qual os sujeitos necessitam através da linguagem, sua recuperação social pela aquisição de leitura e escrita.

Texto completo:

PDF