A contação de histórias como ferramenta de construção do conhecimento: um olhar para Dona Benta em as As aventuras de Hans Staden

Rodrigo de Santana Silva

Resumo


Esta pesquisa tem como objetivo analisar a personagem Dona Benta na obra As aventuras de Hans Staden, uma adaptação de Monteiro Lobato no intuito de identificar, através de fragmentos da obra, qual é a função do contador de histórias nessa obra. Consideraremos inicialmente os trabalhos de Monteiro Lobato e sua contribuição para a literatura brasileira a partir da obra As aventuras de Hans Staden e trabalharemos o texto na abordagem teórica da contação de histórias e a forma como essa arte foi e está sendo utilizada na atualidade. Postas essas devidas considerações, torna-se imperioso verificar a forma como a contação de histórias funciona como uma ferramenta didática utilizada por educadores e professores de literatura. Assim, consideramos esse trabalho importante no que diz respeito às reflexões sobre a importância da contação de histórias para a prática pedagógica, para o incentivo à leitura e para a formação intelectual dos educandos.

Texto completo:

PDF