A hora da estrela e The hour of the star: análise de alguns aspectos da obra e seus desafios para a tradução

Gabriela Lopes Adami

Resumo


O presente trabalho tem como objetivo analisar alguns aspectos da riqueza (e estranheza) da linguagem utilizada por Clarice Lispector, bem como algumas referências culturais presentes na obra A hora da estrela, a fim de observar as propostas do tradutor Giovanni Pontiero na versão para o inglês, The Hour of the Star. Em A hora da estrela destacam-se, por exemplo, a pontuação por vezes peculiar, a exposição de temas sociais, a caracterização simbólica da personagem Macabéa, entre outros. A voz de Rodrigo S.M., narrador da obra, também revela a crítica da autora ao representar o intelectual brasileiro e sua relação com as camadas baixas da população. Esses elementos, bastante relevantes na interpretação da obra como um todo, muitas vezes mostram-se problemáticos para a tradução.
Palavras-chave: tradução, Clarice Lispector, pontuação, aspectos culturais

Texto completo:

PDF