Para Repensar Comunicação e Big Data: situando caminhos a partir da edição especial do Journal of Communication

Guilherme Cavalcante Silva

Resumo


Este artigo visa a explorar a compreensão de comunicação e big data no contexto de pesquisas acadêmicas que investigam a emergência dos big data nos Estudos em Comunicação, procurando entender as estruturas metodológicas e perspectivas dominantes que perpassam os discursos acerca dos big data e da comunicação. Para avaliar tais questões, o artigo conduz uma análise na edição especial “Big Data in Communication Research”, do internacionalmente reconhecido Journal of Communication, publicada em abril de 2014. Até agora, esta é a única edição especial de uma publicação acadêmica revisada por pares dedicada a estudos relacionando big data e Estudos em Comunicação. Após isso, o artigo lida com as limitações de reivindicações, que parecem regressar com a emergência dos big data, de neutralidade dos dados (BOYD & CRAWFORD, 2012) e o risco de tais assertivas para os Estudos em Comunicação que ainda tomam por base, em grande parte, ideias de neutralidade dos meios (GUNKEL & TAYLOR, 2014). Sobre tais limitações, o artigo trará contribuições de autores dos Estudos em Comunicação como Jussi Parikka (2012), Friedrich Kittler (1999) e Dieter Mersch (2016).


Palavras-chave


Big Data; Comunicação; Journal of Communication; Estudos em Comunicação; Neutralidade.

Texto completo:

PDF


Indexadores: